Ana Bacellar

Papos de anjo

Uma receita de antigamente, requintada pra valer. Na casa da avó do meu marido, mesa de festa sempre tinha uma compoteira cheia de bolinhos brilhantes, fofos e que, de tão amarelos, lembravam gemas inteiras, todos mergulhados numa calda aromatizada com canela, cravo e vinho do Porto. É um doce bem doce, mas nada além dos…

Ana Bacellar

Ovos queimados

É uma receita bem de antigamente, no estilo manjar dos deuses dos mais doces, daqueles que os amantes das sobremesas portuguesas adoram. Duas tias, uma do meu marido e uma irmã da minha avó, mãe do meu pai, faziam uma ambrosia que chamavam de “ovos queimados”, pois cozinhavam numa calda de açúcar no ponto em…