Coquinho praliné

Pelas ruas do Brasil, é comum a gente encontrar vendedor fazendo um clássico tilim-tilim com um triângulo de metal pra anunciar a sua chegada e empurrando o carrinho com o fogareiro, a panela grossa com tampa e manivela pra misturar e preparar tudo e, ao lado, os cones de papel ou saquinhos de celofane cheios…

Gelatina colorida listradinha

Há uns anos, estava conversando com uma senhora japonesa, surgiu sei lá como o assunto gelatina e, de repente, ela já estava me mostrando como preparar gelatina em camadas coloridas. Como uma das minhas filhas sempre foi apaixonada por gelatina, eu dei trela, mesmo duvidando um pouco da complexidade da “receita”, já que ela dizia…

Kouing Amann – Pão bretão caramelizado e amanteigado

Um pão bem crocante, muuuiiiiittttoooo amanteigado, com o gostinho da manteiga salgada, caramelizado por dentro e por fora, e que é delicioso. Acho que é uma boa definição. Mordi um kouing-amann achando, como qualquer pessoa que não fale bretão, o nome esquisito, quando estive na Bretanha pela primeira vez, em 1988, passando por St.Malô, Dinan…

Sorvete de castanha e cupuaçu – carimbó

Feito com:

Chegando a Belém, uma das primeiras coisas que fiz foi tomar sorvete na Cairu, a superpremiada sorveteria paraense. Escolher foi difícil, a vontade era de pegar um copinho de cada sabor, mas os atendentes gentis perceberam o meu encantamento, perguntaram se eu queria umas “provinhas” e a festa começou. Comecei pelos sorvetes de frutas mais…

Pastéis de nata

Afinal de contas, os tais “pastelzinhos” são nata ou de Belém? São de Belém e de nata. De Belém são apenas os produzidos na confeitaria chamada “Pastéis de Belém”, que fica ao lado do Convento dos Jerónimos, em Lisboa, e, com perfeição e seguindo a receita de 1837 e secreta, tem exclusividade no uso do…