Adicionar à minha lista

Waffle muito leve

Ana Bacellar

Mais uma receita de waffle? Sim, pois quem gosta de waffle tem o direito de variar e precisa de muitas receitas deliciosas. Em casa, se eu quero um mais firme, saboroso e doce como um pãozinho de leite, faço o waffle de antigamente; quando só quero chocolate, preparo o waffle puro chocolate, que é maravilhoso; e se estou com vontade de comer aquele waffle levíssimo, que vai bem com tudo, nem doce, nem salgado, fico com a receita que vai aqui, e podem ter certeza de que outras receitas virão, pois não sossego.

Não se assustem com os dois ovos mais quatro claras da relação de ingredientes, é isso mesmo, são justamente essas claras as responsáveis pela leveza da receita, com o aerado do miolo e a casca fina e crocante. A leveza é tanta que, às vezes, quando a fome bate e não tenho vontade de encarar um almoço ou jantar pra valer, até eu consigo comer uns dois.

Como a massa tem bem pouco açúcar, que ajuda a equilibrar os sabores e dá cor e duas colheres de chá de baunilha, o waffle é só adocicado, não chega a ser doce, ele sempre cai bem e combina com quase tudo (mel, maple, melaço de cana, Nutella e outras pastas de nozes e castanhas variadas, geléias, manteiga, queijos cremosos e sorvetes com caldas de chocolate, caramelo e frutas vermelhas). Se, porém, quiser um mais doce, aumente a quantidade de açúcar de 1/3 pra ½ xícara de chá.

Num dia em que tive vontade de comer um waffle com pasta de ricota com ervas e salada e achei que a baunilha e o adocicado leve não funcionariam, fiz a receita sem açúcar e sem baunilha e deu certo. Aliás, sem açúcar o waffle também agrada quem não quer ou não pode comer doces.

Numa waffleira elétrica com cavidades pra um disco grande ou até seis quadrados por rodada, o processo é quase brincadeira de criança, só colocar a massa, esperar uns minutinhos pelo sinal de pronto, passar o waffle pra um prato e preparar os demais (com as coberturas antiaderente, nem precisa de manteiga pra untar), um bom investimento pra quem gosta mesmo.

Quem prepara só de vez em quando, pode comprar e usar uma prensa pra waffles de fogão no estilo tostex, que dá super certo, só demora um pouco pra finalizar, já que é necessário cozinhar uns minutos de cada lado pra cozinhar por igual, e, pra massa não grudar, normalmente é preciso pincelar a prensa com manteiga no início (dependendo do material, a massa às vezes nem gruda a partir da segunda ou da terceira rodada).

Como a massa tem a leveza das claras em neve e desmonta em pouco tempo, ela deve ser usada e seguida. Uns minutos de torradeira bastam pra aquecer e deixá-los crocantes no dia seguinte.

Ingredientes

  • 2 xícaras (chá) de farinha de trigo (240 g)
  • 1/3 de xícara (chá) de açúcar (50 g)
  • 2 colheres (chá) de fermento químico
  • ½ colher (chá) de sal
  • 1 e ½ xícara (chá) de leite (360 ml)
  • 2 colheres (chá) de essência de baunilha (10 ml)
  • 100 g de manteiga derretida já morna
  • 2 ovos
  • 4 claras
  • Manteiga pra untar

Preparo

Numa tigela grande, com um batedor de arame, misture a farinha, o açúcar, o fermento e sal, depois junte o leite, a baunilha, a manteiga e os dois ovos até conseguir uma massa homogênea, reserve.

Bata as claras em neve em picos firmes e, com delicadeza, incorpore as claras à massa.
Se for utilizar uma prensa pra waffle sobre a chama do fogão, pincele a cavidade com manteiga e preencha com no máximo ½ xícara de massa pra não transbordar. Em fogo baixo pra massa ter tempo de cozinhar por dentro e por fora, deixe 5min de um lado e mais 5 do outro, abrindo na metade do tempo pra conferir se o waffle já está solto e dourado.

Passe os waffles prontos pra um prato e continue até a massa terminar, untando com mais manteiga se for preciso (normalmente, o primeiro e o segundo pedem um pouco de manteiga, depois a nem gruda mais).

Com a waffleira a tarefa é bem simples, só aquecer, escolher a cor e a textura desejadas, pincelar as cavidades com manteiga só na primeira rodada, já que o antiaderente costuma funcionar, colocar a massa, fechar, esperar o aviso de pronto, passar os waffles pra um prato e preparar os demais.

Sirva os waffles em seguida e, no dia seguinte, aqueça os que restarem na torradeira por uns 2min.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *