Adicionar à minha lista

Pipoca com parmesão da praça de São Luiz do Paraitinga

Ana Bacellar

O pipoqueiro da praça principal de São Luiz do Paraitinga sempre oferecia pipoca doce e salgada, mas a com queijo era a campeã, mesmo dentre os não tão fanáticos por pipoca, como eu.

Num canto do carrinho, havia um monte de cubinhos de queijo curado bem secos, já fritos e meio estufadinhos e, quando havia um pedido, o pipoqueiro enchia o saco de papel com pipoca salgada fresquinha e terminava com uma generosa camada de queijo.

A mesma pipoca também aparecia nos carrinhos que passeavam pelos parques de diversões e circos que chegavam às cidades do Vale do Paraíba.

Não é difícil conseguir cubinhos bem crocantes, basta pensar na receita com umas 48 horas de antecedência pra secar o queijo. Se o queijo não estiver sequíssimo e gelado na hora de fritar, ele derrete ao invés de estufar e de pururucar.

Como secar o queijo? É só pegar um pedaço de um queijo já bem curado e seco, que pode ser mineiro, parmesão ou qualquer outro bem duro, cortar em cubinhos, espalhar num prato, polvilhar com bastante sal e deixar na geladeira, sem cobrir, pra ressecar pra valer.

Na hora de fritar, é só chacoalhar bem os cubinhos pra descartar o excesso de sal e fritar por no máximo 1min, até pururucar.

Ingredientes

  • 200 g de queijo bem seco e curado, mineiro ou parmesão, em cubinhos de 1 cm
  • ½ xícara (chá) de milho pra pipoca (90 g)
  • Óleo vegetal
  • Sal

Preparo

Com uns 2 dias de antecedência, espalhe o queijo num prato, polvilhe bastante sal e leve à geladeira, sem cobrir, pra secar muito bem, virando os cubinhos na metade do tempo pra ressecar por igual.

Pouco antes de preparar a pipoca, aqueça bem uns 5 cm de óleo numa panela média, mergulhe os cubinhos bem gelados no óleo e frite por mais ou menos 1min, até o queijo pururucar e dourar. Escorra sobre papel absorvente e coloque na tigela de servir.

Numa panela grande, aqueça um fio de óleo com o milho e, sempre mexendo, espere os grãos começarem a inchar e o primeiro deles estourar. Então, tampe e movimente a panela pra pipoca não queimar.

Quando o milho parar de estourar, destampe a panela, coloque a pipoca na tigela do queijo, misture, acerte o sal e sirva.

2 Comentários

  1. 1

    Essa receita é maravilhosa!! Tinha um pipoqueiro na minha Cidade, Vassouras/RJ, na porta da escola. Na saída, tinha fila para comprar e todo mundo queria o queijinho maior!!!!

Deixe uma resposta

O seu email não será publicado. Campos obrigatórios estão marcados com *