Adicionar à minha lista

Molho de framboesa pra salada

Ana Bacellar molho de framboesa pra salada

Esse molho de framboesa pra salada é tão gostoso e deixa as folhas tão lindas que consegue empolgar até quem não se interessa muito por elas.

O molhinho, que tem o adocicado e o azedinho da framboesa, vai bem com alfaces de todos os tipos, agrião, rúcula, almeirão, catalônia ou espinafre.

Pra conseguir uma salada deliciosa e equilibrada, é importante que o molho tenha sabor, acidez e untuosidade e, pra isso acontecer, é essencial respeitar algumas proporções clássicas. Essas proporções são referências, pois além de uns gostarem de molhos mais ou menos ácidos, ou com mais ou menos azeite, mais ou menos adocicados, os níveis de acidez mudam muito. Por exemplo, um pouco de suco de um limão bem ácido já resolve o molho, enquanto um vinagre delicado ou uma polpa de fruta bem doce, como manga podem entrar na receita em maior quantidade. Na verdade, como sempre na cozinha, bom senso é fundamental.

Essa proporção básica costuma ser ¼ a 1/3 do todo do elemento com acidez pra ¾ a 2/3 do todo do ingrediente que dará untuosidade ao molho, além de sal, pimenta, açúcar ou mel pra equilibrar, ervas, especiarias e outros temperos.

No caso do molho de framboesa pra salada, a gente costuma usar ½ xícara de framboesas frescas, que têm o frescor e a cor mais gostosos do mundo, ou 1/3 de xícara de polpa já descongelada, com mais um pouquinho de limão, que realça ainda mais tudo o que elas têm de bom, e 2/3 de xícaras de azeite de oliva. Além desses três ingredientes básicos, o molho leva sal, açúcar e pra ajustar a acidez e, se quiser, pimenta-do-reino.

Com framboesas frescas, basta os ingredientes todos no liquidificador, bater até conseguir um molho homogêneo, depois passar por uma peneira pra descartar aquelas sementinhas que nem sempre agradam, ajustar o sal e a acidez. Em seguida, como eu (Helô), faço há pelo menos uns 25 anos, coloco o molho num vidro com tampa que feche muito bem e chacoalho pra valer antes de usar, pois molhos assim não são estáveis, os ingredientes se separam com rapidez. Se for polpa de framboesa, só colocar tudo direto no vidro, chacoalhar bem até emulsificar e fazer os ajustes. As quantidades de fruta variam porque as framboesas frescas fazem mais volume e a polpa já vem pastosa e peneirada.

De um jeito ou de outro, o molho fica no vidro até a hora de usar. Dá pra preparar com até 1 semana de antecedência, guardar na geladeira, chacoalhar de novo e usar quando quiser. Mas vale pensar que, como o molho é muito fácil e rápido de fazer, é sempre melhor preparar no próprio dia, pois a cor fica mais linda.

Sinceramente, a quantidade de ingredientes pro molho já é pequena, não vale muito a pena fazer menos, fica até difícil bater tudo no liquidificador. O que importa é saber que o tanto de molho é suficiente pra temperar umas 12 xícaras de folha. Em casa, por exemplo, o molho costuma ser suficiente pra umas 3 saladas (1 pé de alface médio rende umas 4 xícaras).

Se quiser saber mais sobre os nossos molhos de salada, que fazem um sucesso enorme, pode conferir as dicas e receitas no post do site e no vídeo do nosso canal do Youtube.

Ingredientes

  • 1 colher (chá) de sal
  • 1 colher (chá) de açúcar, aproximadamente
  • Suco de ½ limão
  • ½ xícara de framboesas frescas (ou 1/3 de xícara de polpa)
  • 2/3 de xícara (chá) de azeite de oliva (160 ml)

Preparo

Bata no liquidificador o sal, o açúcar, o suco do limão, as framboesas e o azeite até conseguir um líquido bem homogêneo.

Ajuste o sal e a acidez com pitadas de açúcar.

Passe o molho por uma peneira e coloque num pote de vidro que feche bem.

Se for usar polpa, basta descongelar e preparar tudo direto no vidro, sem precisar da fase do liquidificador. No próprio vidro, guarde o molho na geladeira por até 1 semana (mas quanto mais perto de usar, mais linda será a cor da framboesa).

Na hora de temperar a salada, confira se o vidro está bem fechado e chacoalhe até misturar e conseguir um molho aveludado.

Regue as folhas já lavadas e bem secas numa saladeira e coloque o molho por cima (mais ou menos 1/3 do molho pra umas 4 xícaras de folhas).

Com a ajuda de 2 colheres grandes, faça movimentos delicados de fora para dentro para envolver todas as folhas com o molho.

Volte com o vidro com o molho que sobrar pra geladeira e use pra temperar outras saladas.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *