Adicionar à minha lista

Figos turcos maravilhosos

Ana Bacellar

Meus livros de cozinha são vividos, lidos e relidos, cheios de anotações e manchados de manteiga e de chocolate. Quem entra na biblioteca leva um susto com a aparente desarrumação, mas não ligo, o que importa é que me acho, encontro qualquer livro rapidinho (e são uns 3 mil!), e consigo me lembrar do livro com a receita x ou a dica y ou conta a história z.

Uns são tão queridos que passam tempos fora das prateleiras, e isso sempre acontece com um livro antigo e surrado, que encontrei num bouquiniste em Paris, e conta histórias, receitas e dicas de avós gregas e turcas. Num cantinho de página, uma senhora de Izmir, a região que é o paraíso dos figos, contava que vinha de uma família que produzia e vendia figos frescos e secos há gerações e gerações e que, além dos espetaculares figos recheados com nozes e creme espesso – incir tatlisi, ela cresceu preparando figos secos no azeite com orégano pra comer a qualquer hora ou na refeição e explicava como fazia, mas sem dar uma receita certinha.

Como amo figos e azeite e sempre tenho uns secos em casa, fui experimentar. O método é simples, basta aferventar a fruta, escorrer, temperar com sal, juntar vinagre, pimenta, orégano fresco ou seco, ou alecrim, azeite e forno. Confesso que poucas vezes fiquei tão maravilhada com uma receita, então escrevi e incorporei os figos à vida. Eles são ótimos quentes ou em temperatura ambiente, deixam uma salada com jeito de festa, ficam perfeitos em sanduíches de cordeiro e coalhada, acompanham deliciosamente assados em geral, vão bem com arroz e couscous marroquino, e vão bem queijos, tanto com os mais frescos, como com os mais fortes, como roquefort e gorgonzola.

Uma explicação: no dia em que fui preparar a receita pra fotografar, achei só um pacote meio seco e feioso de figos turcos e encontrei uns mini figos portugueses lindos e acabei usando esses figuinhos redondos no lugar dos turcos. Num pote charmoso, eles ainda se transformam num bom presente.

Ingredientes

  • 24 figos secos
  • 1 colher (sopa) de alecrim, fresco de preferência
  • 1/4 xícara (chá) de vinagre balsâmico (60ml)
  • Azeite de oliva
  • Sal
  • Pimenta-do-reino

Preparo

Aqueça o forno a 180ºC (médio-alto) e separe uma assadeira pequena.

Coloque os figos inteiros numa panela com água até cobrir, ferva por 2min, escorra e passe pra assadeira.

Polvilhe com sal e pimenta, junte o alecrim e o vinagre, besunte com azeite e asse por uns 30min, até dourar e perfumar. Sirva em seguida ou guarde os figos por até 3 dias num pote fechado na geladeira e, se for o caso, aqueça na hora de servir.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *