Adicionar à minha lista

Cuca “pão” de banana

Os alemães, que se espalharam por várias regiões do sul, adaptaram o seu kuchen, às vezes preparado com massa de bolo, outras com massa de pão, mas sempre com a farofa adocicada e crocante como cobertura, aos ingredientes que encontraram nas novas terras e daí vieram as cucas. As receitas eram tão boas que o tempo passou e as cucas só ganharam mais e mais adeptos. O fato é que, hoje, pelo sul inteiro, todo dia é dia pra preparar e comer cuca.

A que vai aqui é uma cuca de massa pra pão, só que bem mole, até passa a impressão de que não vai funcionar, mas dá certo sim. Depois do repouso, basta untar com manteiga ou forrar com papel manteiga, que é o mais fácil, uma fôrma bolo inglês ou assadeira grandes, colocar na base metade da massa, cobrir com metade do recheio escolhido, espalhar por cima a massa restante e o final do recheio e terminar com a farofa doce e amanteigada com perfume de canela que, pra muitos (eu, inclusive) é o melhor da cuca.

Quanto ao recheio, aqui fiz com banana nanica madura em rodelas, que é ultra clássica, já que quase todo mundo adora banana, mas dá pra fazer cuca de uva sem sementes, abacaxi, mirtilo, framboesa, morango, pêssego, maçã, cubos de goiabada, colheradas de doce de leite, chocolate… O céu é o limite.

Pra acompanhar a cuca, nada com uma colherada, ou duas pros mais gulosos, de nata ou de creme de leite fresco. No sul, potes de nata são encontrados em qualquer supermercado, em Minas também é fácil de achar, mas fora da região dá pra usar creme de leite sem soro ou creme de leite fresco batido em chantilly.

Em São Paulo, eu costumo comprar nata da Piá, super tradicional do sul, no hipermercado Zaffari ou no Santa Luzia.

Como sempre, uma xícara de café acompanha uma fatia de cuca com perfeição.

A receita é simples, só mesmo preparar a massa com algumas horas de antecedência é que dá um trabalhinho, mas garanto que o esforço compensa.

Ingredientes

Massa

  • 1 colher (sopa) de fermento biológico seco
  • ½ xícara (chá) de açúcar (75 g)
  • 1 xícara (chá) de leite morno (240 ml)
  • 2 xícaras (chá) de farinha de trigo (aproximadamente, 240 g)
  • 1 colher (chá) de sal
  • 25 g de manteiga amolecida
  • 1 ovo

Farofa e finalização

  • ½ xícara (chá) de farinha de trigo (120 g)
  • ½ xícara (chá) de açúcar (75 g)
  • ½ colher (chá) de canela em pó
  • 50 g de manteiga gelada em cubinhos miúdos
  • 4 bananas grandes e maduras em rodelas grossas (aproximadamente)
  • Manteiga pra untar

Preparo

Massa – Numa tigela grande, misture o fermento, o açúcar e o leite e deixe descansar por 10min, até espumar.

Misture o sal, o ovo, a manteiga, a farinha e mexa até obter uma massa homogênea, mas bem mole e pegajosa.

Cubra e deixe crescer por 1h, até dobrar de volume.

Farofa – Numa tigela, misture farinha, o açúcar, a canela e a manteiga até obter uma farofa grossa.

Montagem – Unte com manteiga uma fôrma grande pra bolo inglês e forre com papel manteiga.

Espalhe metade da massa na fôrma, por cima coloque metade da banana, depois o restante da massa e da banana, finalizando com toda a farofa.

Deixe descansar por mais 30min, enquanto o forno aquece a 180ºC (médio-alto).

Asse a cuca por uns 45min, até que esteja crescida, firme e bem dourada.

Deixe amornar, desenforme e sirva com nata ou creme de leite.

2 Comentários

  1. 1

Deixe uma resposta

O seu email não será publicado. Campos obrigatórios estão marcados com *