Adicionar à minha lista

Cookie delicioso de chocolate

Ana Bacellar

Em 1981, mordi um cookie de chocolate pela primeira vez. Quem preparou foi a Mrs. Johnson, uma senhora de cabelo de algodão, vizinha da família que me recebeu nos Estados Unidos, que vivia preparando fornadas e mais fornadas de cookies pros netos e passou a tocar a campainha pra me dar uns 2 ou 3 quando percebeu que eu estava apaixonada por eles.

Esse primeiro cookie era enorme, com muito gosto do chocolate, que amolecia, mas não derretia de vez, perfumadíssimo, com o adocicado e o perfume do açúcar mascavo, a textura crocante na borda e ligeiramente macia e puxa puxa no centro. Até hoje, só de pensar nele, sinto água na boca.

É claro que fui conversar com Mrs. Johnson pra aprender a preparar aqueles biscoitos tão diferentes e que, naquele tempo, ainda não eram comuns no Brasil. Terminei na cozinha ajudando a fazer umas 3 centenas deles pra levar pro piquenique de 4 de julho, uma experiência inesquecível!

Tenho até hoje o livrinho com umas 20 receitas de cookies que ela me deu de presente.
Ela me ensinou coisas preciosas: usar manteiga bem gelada pra começar a massa fazendo uma farofa (a receita que vai aqui é assim) ou em temperatura ambiente e bem cremosa, jamais trabalhar com manteiga derretida, que deixa os cookies crocantes por inteiro, como biscoitos comuns; é essencial mesclar açucares mascavo pra adoçar um pouco, mas também dar sabor, cor e perfume, e o branco pra adoçar e dar textura; colocar as porções de massa na assadeira sempre deixando um espaço grande entre elas, que se espalham muito.

Ela também dizia que, se possível, pra conseguir cookies bem altos e gostosos de morder, vale a pena preparar a massa com 2 a 48h de antecedência e deixar na geladeira pra moldar na hora de assar, quer dizer, levar a massa ainda gelada ao forno já bem quente.

Às vezes, ela preparava uma tigela de massa, guardava na geladeira e usava aos poucos, colocando as porções de massa na assadeira na hora de assar, mas, na maior parte das vezes, colocava os montinhos de massa nas assadeira, levava todas elas à geladeira e, quando batia a vontade de comer um cookie quentinho, simplesmente transferia a assadeira da geladeira pro forno quente e, em no máximo 12min, contagiava a vizinhança com um cheiro maravilhoso e servia cookies divinos pra quem passasse por perto!

Mas não se preocupem com esse repouso, que não é fundamental, dá tranquilamente pra misturar a massa nuns 15min, moldar os cookies, assar e servir em seguida.

Como a massa se espalha na assadeira e não mantém a forma, não vale a pena gastar tempo fazendo bolas ou discos perfeitos, basta pegar uma colherada de massa e colocar o montinho na assadeira, mantendo sempre uma boa distância entre eles pra que não colem uns nos outros. Há quem ame utensílios de cozinha mirabolantes e viva inventando formas de tentar facilitar isso ou aquilo, e confesso que estou sempre experimentando pra verificar se x dica funciona, ou se é apenas coisa extra pra lavar, mas, no caso dos cookies, acho que os apetrechos não têm muita utilidade.

Só quando faço de umas 4 receitas pra cima é que me lembro de usar uma pá de sorvete, daquelas que vão e voltam com molinha pra tornar mais ágil o movimento de pegar e soltar porções uniformes de massa.

Pra simplificar a vida e não ter que untar nada, asse os cookies sobre um tapete de silicone.

Ingredientes

  • 1 xicara (chá) de farinha de trigo (aproximadamente 120 g)
  • ½ colher (chá) de sal
  • ½ colher (chá) de bicarbonato de sódio
  • 1/3 de xícara (chá) de açúcar mascavo (60 g)
  • 1/3 de xícara (chá) de açúcar branco (50 g)
  • 1 e 1/3 de xícara (chá) de chocolate meio amargo em cubinhos ou em gotas (uns 225 g)
  • 100 g de manteiga gelada em cubinhos
  • 1 ovo
  • 1 colher (chá) de essência de baunilha
  • Manteiga pra untar

Preparo

Aqueça o forno a 180ºC (médio-alto) e unte com manteiga uma assadeira grande ou duas médias, ou utilize tapete de silicone.

Numa tigela média, misture a farinha, o sal, o bicarbonato e os dois açúcares. Junte a manteiga e esfarele com a ponta dos dedos até conseguir uma farofa grossa, reserve.

Coloque 1/3 de xícara (chá) do chocolate numa tigelinha e derreta no micro-ondas (normalmente, não se leva mais do que um minuto).

Coloque o chocolate derretido, o ovo e a baunilha na tigela dos secos e misture até incorporar tudo.

Acrescente o chocolate em cubinhos e trabalhe com as mãos até conseguir uma massa macia e que descole das mãos, apesar de ligeiramente úmida. Divida a massa em 16 partes, faça uma bolinha com cada uma e espalhe na assadeira deixando um espaço livre entre elas, pois os cookies se espalham no forno. Leve ao forno e asse por uns 12 minutos, até que estejam ligeiramente dourados e perfumados, mas ainda macios ao toque.

Retire do forno, transfira os cookies pra uma grade pra amornar e sirva em seguida, ou guarde num pote fechado por até 5 dias (eles firmam um pouco quando esfriam, mas devem continuar macios no centro).

2 Comentários

  1. 1

    Adorei seu post!

    Recentemente fiz um post dando dicas valiosas de como começar a trabalhar com biscuit (mesmo sendo iniciante nessa arte), a galera está gostando muito!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *