Adicionar à minha lista

Como fazer pasta grega de pepino e iogurte

Ana Bacellar como fazer pasta grega de pepino e iogurte

Nesses dias de tanto calor, receitas refrescantes fazem a diferença e hoje vou te mostrar como fazer pasta grega de pepino e iogurte – tzatizi.

A pasta conquistou o mundo, e não é pra menos. Ela vai bem como entradinha, pra comer com pão, pita ou folha. Ou outra torrada, mas também fica deliciosa recheando sanduíches, acompanhando saladas (principalmente de tomate, folhas e com berinjelas) e grelhados em geral.

Assim como acontece com a saladinha rápida de pepino, iogurte e hortelã, são muitas as sensações que vêm numa única garfada, principalmente frescor e textura. Aliás, poucos vegetais conseguem ser tão refrescantes quanto um pepino.

O pepino, no caso do tzatziki, fica totalmente envolvido por um creme denso que leva iogurte, alho, sal e azeite. Há quem leia a lista de ingredientes e pense que o alho é dispensável ou que ele certamente deixará a pasta muito forte, mas é puro engano. O alho e o iogurte se equilibram com perfeição e quando misturados ao azeite e ao pepino dão um resultado maravilhoso.

Importante demais: respeite as fases da receita, deixando o pepino ralado escorrer bastante pra soltar o excedente de líquido, espremendo sem dó. E depois, misturando tudo e esperando um tempo pra conseguir que os sabores se mesclem e cheguem à pasta nota 10.

Costumo usar o pepino que tenho em casa, pode ser aquele mais caipira e gordinho, quanto o japonês, mais longo e fino, a receita funciona bem com qualquer deles.

Capriche no iogurte, que precisa ser bem cremoso. Os iogurtes “gregos” são perfeitos, mas use coalhada seca se quiser usar o tzatziki como pasta pra rechear sanduíche a ser montado com antecedência, pois ele ficará mais firme. Também dá certo preparar a pasta com iogurte grego sem lactose (existem algumas marcas de iogurte natural não adoçado) ou de um iogurte desnatado que seja cremoso. Veganos podem preparar a receita com tofu batido com azeite e sal até ficar macio e aveludado.

Dei aqui uma receita pequena, preparada com uns 2 pepinos, do japonês, ou 1 caipira grande. Mas acho, sinceramente, que vale preparar a receita dobrada de uma vez, pois o pepino solta muito líquido e diminui horrores depois de espremido. Como é boa demais, ela acaba num piscar de olhos.

Quanto às ervas: pesquisando bastante, vi que há receitas que levam dill (aneto), ou que só pedem hortelã, ou que ficam com um pouco de cada uma. Eu fiquei com esse mix de dill e hortelã, mas isso fica por conta de cada um. Muita gente torce o nariz pro dill sem experimentar, e isso é uma pena. Como acontece com tudo, em excesso ele pode ser considerado enjoativo, mas na medida certa ele é o máximo.

Agora que você já sabe como fazer pasta grega de iogurte e pepino, já percebeu que uma receita ensolarada e que é puro verão.

como fazer pasta grega de pepino e iogurte

Ingredientes

  • 2 pepinos médios e finos, com casca, bem lavados e secos (300 g; normalmente 2 do japonês ou 1 caipira grande)
  • 180 g de iogurte natural muito cremoso (tipo grego ou 1/2 xícara de chá de coalhada seca)
  • 2 colheres (sopa) de azeite de oliva, aproximadamente
  • 1 dente de alho, picadinho, já aferventado se quiser um sabor mais suave
  • 2 colheres (sopa) de uma mistura de folhinhas de dill (aneto) e de hortelã (ou a gosto)
  • Sal
  • Pimenta-do-reino

Preparo

Rale o pepino em tirinhas não muito grossas, deixe escorrer numa peneira por 5min.

Esprema com as mãos para descartar o excesso de água e passe para uma tigela. Não tenha dó de espremer!

Junte o iogurte, o azeite, o alho, sal e pimenta e corrija a acidez com 1 pitada de açúcar.

Leve à geladeira pra repousar por pelo menos 3 ou até por 24h, depois disso o pepino começa a amolecer.

Na hora de servir, ajuste o sal e misture as ervas.

4 Comentários

  1. 1
  2. 3

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *