Adicionar à minha lista

Receita de broinhas aerosas de fubá

Ana Bacellar

Eu adoro essa receita de broinhas aerosas de fubá, pois gosto de tudo que leva fubá e tem o sabor delicioso do milho. Gosto das broinhas crocantes, das macias e sou louca pelas estufadinhas, conhecidas por aerosas. Só em pensar num café com uma broa quentinha, saindo do forno, já me dá vontade de sair correndo pra cozinha e preparar uma receita. Com um pouco de manteiga salgada fica ainda melhor, aliás, dão ótimos sanduíches.

A receita, pelo menos na teoria, não é complicada, seria uma pâte à choux, ou massa pra bombas e carolinas, só que com fubá como ingrediente principal. Confesso que testei sei lá quantas receitas, insistindo em usar só fubá, só que não dava certo. De sabor, as broas ficavam ótimas, mas não chegavam àquela textura fofa e oca, até que resolvi aceitar as sugestões de mesclar fubá e trigo, aí sim funcionou.

A manteiga em cubinhos é essencial, assim ela derrete por igual e o líquido evapora apenas na quantidade esperada. Pra dar certo, também é fundamental acrescentar os ovos um a um, só juntando o seguinte quando o anterior estiver totalmente incorporado à massa.

Mas assar é tão essencial pro sucesso da receita quanto a forma de incorporar os ovos: as broinhas precisam entrar no forno bem quente (aqueço o forno a 220ºC, bem alto, e diminuo pra 200ºC, alto quando coloco a assadeira no forno), deixo a 200ºC por uns 5min pra que elas cresçam rápido e fiquem ocas, então diminuo a temperatura pra 180ºC (médio-alto) e continuo assando por 12 a 15min, até que estejam bem crescidas, douradas por igual e sequinhas por fora, pois um miolo ligeiramente macio é delicioso, mas o miolo cru e borrachento é horrível.

Mais, menos ou nada de erva-doce é escolha de cada um, uns amam e acham que broa sem erva-doce não tem graça, outros odeiam.

Quando a cesta de broinhas não se esvazia em minutos, costumo aquecer as que sobram no forno.

Ingredientes

  • 1/3 de xícara (chá) de fubá (35 g)
  • ¾ de xícara (chá) de farinha de trigo (90 g)
  • ½ xícara (chá) de leite (120 ml)
  • ½ xícara (chá) de água (120 ml)
  • 75 g de manteiga gelada em cubinhos
  • 1/3 de xícara (chá) de açúcar (50 g)
  • 1 pitada de sal
  • 2 colheres (chá) de erva-doce (pra quem gosta)
  • 3 ovos
  • Fubá pra polvilhar
  • Manteiga pra untar

Preparo

Misture o fubá e o trigo numa tigela, reserve.

Numa panela média, misture e aqueça o leite, a água, a manteiga, o açúcar, o sal e, se quiser, a erva-doce.

Quando ferver, junte a mistura de fubá e farinha de uma vez e, com uma espátula, mexa bem rápido até a massa se transformar numa bola lisa que se solte da panela.

Retire do fogo, transfira a massa para a tigela da batedeira e deixe amornar por uns 10min.

Aqueça o forno a 220ºC (bem alto) e unte com manteiga uma assadeira grande ou duas médias.

Batendo com a batedeira, junte um ovo à massa, quando incorporar junte o segundo, bata até ficar homogênea e adicione o último.

Coloque a massa num saco de confeitar com bico médio, liso ou pitanga (o desenho não aparecerá muito, ficarão só uns risquinhos).

Pingue na assadeira uns 30 montinhos de massa com uns 3 cm de diâmetro, deixando um espaço livre entre eles, pois crescem um pouco. Se quiser, faça os montinhos com uma colher de sopa. Polvilhe as broinhas levemente com fubá.

Diminua a temperatura do forno pra 200ºC (alto) e leve a assadeira ao forno. Deixe nesse forno forte por 5min, nesse tempo elas crescem e ficam ocas, então diminua a temperatura pra 180ºC (médio-alto) e continue assando por mais 12 a 15min, até que elas estejam totalmente douradas, inclusive nas fendas que surgirem.

75 Comentários

  1. 1

    Eu tentei; pq aqui em casa todo mundo ama essa broinha, mas fazer em Minas é mais fácil por conta do fubá próprio. Não deu certo; acho que apesar da receita levar 3 ovos; deveria ter colocado 2; ficou mole… mas não sobrou.

    • 2

      Oi, Marta! O fubá mineiro chamado de fubá canjica é bem fininho e da uma broinha leve e macia, mas é difícil achar algo parecido fora de lá. Acho que o problema deve ter sido o tamanho do ovo. Junte 2, bata o terceiro com um garfo numa tigelinha e junto aos poucos até acertar a textura. Espero ter ajudado! Bjs

    • 3
      • 4

        Magda, boa noite!
        Que pena … Será que os ovos não eram daqueles muito grandes? Também pode ter sido a temperatura do forno (cada um é um…) e o tempo no forno. É importante só retirar as broinhas do forno quando estiverem crescidas e bem douradas de todos os lados.
        As próximas ficaram deliciosas, tenho certeza disso.
        Conte sempre com a gente.
        Abraços, Helô

  2. 5
  3. 11
  4. 14
  5. 16

    Gente, essa broinha é igual àquela do Rei do Mate? Eu só acho receita de broa que é um pãozinho ou daquela dura que parece uma Cavaca. Queria receita daquela igual a do Rei do Mate.

  6. 18

    Tentei tambem aqui em casa e verifiquei que tres ovos ficou muito mole a massa acrescentei mais fuba, mas nao deu muito certo. As broas nao ficaram ocadinhas por dentro e nao cresceram. O que pode ter acontecido?

    • 19

      Oi, Solimar! Os ovos talvez fossem muito grandes (nosso padrão é de ovo médio, que tem uns 30g de clara e 20g de gema). Na panela também não deve chegado ao ponto do cozimento, ficando mais mole. Acrescentar fubá pra engrossar pode até servir para acertar o ponto e não perder a massa, mas ficará um bolinho e não uma broa leve. As temperaturas do forno são as grandes vilãs pra não conseguir as broas ocas. É o contraste da temperatura ambiente pra bem quente faz estufar e o diminuir deixa que a massa asse por dentro. Tente de novo e conte pra gente! bjs

  7. 20
  8. 21
    • 22

      Bárbara, boa tarde! Não testei no liquidificador, mas acho que a leveza não será a mesma, pois a forma de bater é diferente. Vale tentar… Depois me conte. Um abraço, Helô

  9. 23
    • 24

      Jurema, bom dia! Nunca experimentei polvilhar as broinhas com canela. Acho que não funciona polvilhar antes, pois é capaz da canela queimar e amargar, mas depois de prontas não há problema.
      Abraços, Heloisa

  10. 25

    Olá! Gostaria de saber o porquê de algumas vezes, depois da broinha assada, cim com uma ótima aparência, ao ser tirada do forno ela desanda? Ja me disseram que é bom deixar esfriar um pouco dentro do forno, com a porta entreaberta, será verdade? Grato pela atenção.

    • 26

      Antonio, boa tarde!
      Broinhas, bombas, merengues, pão de ló são sempre problemáticos. Às vezes crescem lindos e achatam um tanto quando saem do forno, minha avó dizia que eram os chamados ” golpes de vento”. Comigo, deu certo começar com a temperatura mais alta, pra estufar e iniciar o cozimento, depois diminuir pra finalizar. O método da porta entreaberta pode ajudar, mas é preciso ter atenção pra temperatura do forno, pois as broinhas podem dourar demais.
      Conte depois como ficou!
      Abraços, Helô

  11. 27
    • 28

      Geni, boa noite! A massa não leva fermento, apenas os ovos são suficientes para fazer com que elas estufem.
      Depois conte pra gente.
      Abraços, Helô e Ana

  12. 29

    Boa noite, fiz a receita como está descrita, o forno precisei cuidar, porque a temperatura não é muito boa. As broinhas ficaram deliciosas. se mantiveram mesmo depois que tirei do forno. A receita é muito fácil.

    • 30

      Ilda, bom dia!
      Essas broinhas são pura tentação, deliciosas com café, chá e até limonada. Como você disse, a receita é fácil, a única etapa complicada é assar, pois depende de cada forno. Mas bom saber que deu certo.
      Conte sempre pra gente.
      Abraços, Ana e Helô

  13. 31

    Já fiz a receita 2 vezes, a primeira vez deu super certo, ameiiiiiiii, a broinha ficou oca, hj fui fazer Novamente e dobrei a receita, mas não deu mto certo, a massa ficou pesada, mas o gostinho até que ficou, a próxima farei 1 receita apenas.

    • 32

      Daiane, bom dia!
      As broinhas são muito gostosas e macias, mas, como a gente diz na texto das dicas que vai antes da receita, elas são meio chatinhas e às vezes não ficam tão ocas. Assar é o grande problema, os fornos quase sempre assam de maneira desigual e quando tem assadeira nas 2 grelhas acontece de criar muito vapor.
      Cozinha é assim… A gente vai sempre experimentando.
      Conte sempre com a gente.
      Abraços, Helô

  14. 33

    Otima receita!! Ao inves de metade agua e metade leite, usei duas medidas de leite. Precisei deixar no forno alto (200) por mais de 5 minutos – deixei ate crescer, dai reduzi para 180 ate dourar. O tempo indicado, eh para o forno de conveccao?

    • 34

      Luiz, boa tarde!
      Bom saber que você gostou. A gente também adora as broinhas.
      Perfeito quanto ao leite e à água, adaptações fazem parte da vida na cozinha.
      A gente usa um fogão convecção, mas cada um é um e o tempo é sempre um pouco variável, só testando mesmo.
      Conte sempre com a gente.
      Abraços, Ana e Helô

  15. 35
    • 36

      Lucimeire, bom dia!
      Os cuidados com as temperaturas no forno e o momento de retirar as broinhas do forno são muito importantes.
      Quando você retirou as broinhas do forno elas estavam totalmente douradas, mesmo nas fendas? Se a broinha não está totalmente dourada, é sinal de que a umidade ainda é grande e que a massa ainda “pesa” e vai cair.
      Experimente de novo e conte pra gente.
      Abraços, Ana e Helô

  16. 37

    Eu testei e aqui em casa foi um sucesso… no primeiro dia fiz 1 medida da receita para testar… e depois eu dobrei a receita e rende bem… não tinha saco de confeiteiro e fiz na colher ficou MARAVILHOSO!!! Não perco essa receita por nada… ja foi pro caderninho aqui de casa…

    • 38

      Amanda, bom dia!
      Que gostoso saber que você acertou a receita direitinho, já dobrou, já se organizou com a colher e já incorporou ao seu caderninho.
      A gente também adora essas broinhas.
      Agora que você já está bem familiarizada com as broinhas, aproveite mais histórias, receitas e fotos apetitosas do Na Cozinha da Helô.
      Abraços, Ana e Helô

  17. 39

    Bom dia! A receita é ótima! Uma vez deu certinho, mas outra não, murchou muito! Os fornos aqui em casa são elétricos. Um forninho de bancada e um forno maior, de torre. Qual seria melhor? E como regular o aquecimento: superior e inferior ou só inferior? Com ou sem convecção?

    • 40

      bom dia augusto!
      se murcharam é sinal de que ainda deveriam ficar mais um pouco no forno, até ficarem com todas as fendas douradas. sugerimos usar calor tanto na parte de cima quanto na de baixo do forno. pode ser na forma convecção. depois conte para a gente
      abs ana e helô

  18. 41

    Hola! Vou tentar fazer agora mas uma coisa que percebi é que 1/3 de xícara de chá de fubá não dá 35g e sim 90g e 3/4 de xícara de chá de farinha de trigo da 120g…
    Devo me guiar pelo peso ou pela medida?
    Obrigada!

    • 42

      Andréa, boa tarde!
      guie-se pela medida, mas provavelmente você deve estar pressionando bastante com a colher pra acertar e, também, usando uma xícara grande. A gente sempre brinca que umas xícaras bem cheias, com um “choro” bem de “vó” pesam um tanto mais….
      A medida clássica de 1 xícara de farinha de trigo, usando xícara de medida padrão é 120 g e é por ela que a gente se baseia. Já a xícara padrão de fubá contém 140 g.
      Temos um vídeo no nosso canal do youtube chamado medidas na cozinha, vale a pena!
      Conte depois como ficou.
      Abraços, Ana e Helô
      Abraços,

  19. 43
    • 44

      Andrea, boa tarde!
      Que pena….
      Vamos lá aos possíveis problemas:
      1) ter deixado o leite ferver demais, pois às vezes a gente se distrai, ele evapora bastante e perde a proporção e massa seca em excesso, deixa de ser uma bola macia e fica firme;
      2) será que os ovos foram incorporados da maneira tradicional e que funciona, quer dizer, juntar um ovo, bater até ficar totalmente homogêneo, só então juntar o segundo ovo, bater mais um outro tanto até a massa ficar bem lisa, depois acrescentar o terceiro e bater até a massa ficar macia e no ponto de pingar.
      3) a gente sempre considera ovos grandes (nem médios, nem extra grandes; ou seja, ovo já sem casca pesando aproximadamente 50 g); se forem ovos bem pequenos talvez seja bom usar 4 ovos.
      Esperamos ter ajudado você.
      Quando fizer de novo, conte pra gente como a receita ficou.
      Abraços, Ana e Helô

  20. 45
    • 46

      Maria José, boa tarde!
      Que pena …
      Normalmente, quando as broinhas não crescem, a resposta ao problema está no processo de assar. É fundamental levar a assadeira ao forno já aquecido a 200 a 220 ºC, deixar nessa temperatura por 10 minutos, diminuir para temperatura média 180ºC e manter no forno por mais uns 20 minutos até terminar de assar.
      As broinhas só estão prontas quando totalmente douradas, em todas as fendas.
      Se precisar de ajuda, escreva de novo pra gente.
      Abraços, Ana e Helô

  21. 47
  22. 49

    Não vai fermento nesta receita? Eu fiz ficaram uma delícia mas a massa na hora de fazer as belinhas se esparramava toda…. então a aparência não deu certo… mas não coloquei fermento…. pois não tinha na receita… será q foi isso?

    • 50

      Renata, boa noite!
      A receita não leva fermento mesmo. São os ovos os responsáveis pelo volume, exatamente como acontece em receitas de bombas e carolinas. Possíveis problemas: a massa não se descolou pra valer da panela (quando isso acontece, ela seca e perde quase toda a umidade); o tamanho dos ovos, quando são muito grandes eles agregam mais líquido à massa.
      Quem sabe você tenta mais uma vez?
      Conte com a gente. Abraços, Ana e Helô

  23. 51
    • 52

      Arnaldo, boa tarde!
      A massa não leva fermento, assim como acontece com as massas de carolinas, bombas e pão de queijo.
      Primeiro a massa é cozida na panela e depois entram os ovos, que darão leveza e sustentarão as broinhas.
      Conte depois pra gente.
      Abraçøs, Ana e Helô

  24. 53
    • 54

      Vanessa, boa tarde!
      Muito gostoso saber que você preparou a receita, que deu certo e que ela já passou a fazer parte da sua cozinha.
      Continue aqui Na Cozinha da Helô, pois não faltam histórias, receitas, dicas e fotos apetitosas.
      Abraços, Ana e Helô

  25. 55
    • 56

      Angelita, boa tarde!
      A gente não fez esse teste, mas provavelmente funciona. Foram feitos testes com um fubá fino artesanal (N. Sra. das Brotas da Família Bragato de Lindóia-SP) e com fubá tradicional de grandes marcas.
      Qualquer hora, assim que for possível conseguir um fubá mineiro mimoso, a gente repete o teste.
      Se você experimentar, conte o resultado!
      Abraços, Ana e Helô

  26. 57

    Que receita maravilhosa, perfeitamente explicada, fiz exatamente igual e ficou aerada e cozida por dentro, acertei de primeira. Realizei o desejo de comer essa delícia até me esbaldar. Obrigada por compartilhar o conhecimento com esse lindo trabalho, espero conhecer seu restaurante um dia.

    • 58

      Boa tarde!
      Que gostoso saber que você preparou broinhas deliciosas com a nossa receita, que agora já faz parte da sua cozinha.
      A gente também adora comer broinhas com café.
      Continue aqui Na Cozinha da Helô, pois não faltam histórias, dicas, receitas e fotos apetitosas.
      Abraços, Ana e Helô

  27. 59
  28. 61
    • 62

      Ana Carolina, boa tarde!
      As broinhas aerosas não levam fermento, assim como também acontece com massa de bombas e carolinas.
      Elas crescem com os ovos misturados à massa cozida. Ficam leves e fofas.
      Conte com a gente.
      Abraços, Ana e Helô

  29. 64
  30. 66

    Woooowwwwwwwww!!!!
    Fiz a primeira pra experimentar e ja vou dobrar a receita !!! Rei do mate que se cuide porque esta delicia entrou na lista de receitas….
    $$$$$
    Obs: 2 ovos pra mim ficou excelente!!!!
    Obrigado por compartilhar a receita

    • 67

      Messias, boa noite!
      Obrigada pelo carinho. Gostoso saber que a receita fez sucesso na sua cozinha. Dois ovos costumam funcionar, mas é sempre bom conferir.
      A gente também adora essas broinhas.
      Continue aqui Na Cozinha da Helô.
      Abraços, Ana e Helô

  31. 70
    • 71

      Messias, boa noite!
      Muito gostoso saber que as broinhas já fazem parte do cafezinho da tarde do sábado na sua casa.
      Que tal experimentar outras receitas? E não se esqueça de contar pra gente!
      Abraços, Ana e Helô

  32. 72

    Fiz as broinhas, ficaram boas, mas o miolo não deu aquela crescida, aerada. Provavelmente a temperatura do forno. De qualquer forma, o miolo ficou bem cozido, não vai sobrar. Experimentei a primeira, ficou saborosa!

    • 73

      Cássio, boa noite!
      A gente também ama broinhas, vão bem a qualquer hora.
      A receita não é difícil, mas é preciso ter cuidado em todas as etapas pra conseguir broinhas saborosas com textura perfeita. Incorporar os ovos aos poucos e assar em temperatura certa são pontos super importantes.
      Como você disse, o problema deve ter surgido com a temperatura do forno: a broinha cozinha, mas não estufa o necessário. O sabor é bom, apenas não se chega à textura desejada.
      Vale a pena tentar de novo e não deixe de contar pra gente se deu certo.
      Abraços, Ana e Helô

  33. 74

    Duas coisas: por que a manteiga tem que ser em cubinhos gelados se ela vai ao fogo junto com o leite? Afinal, rende 8 ou 30 unidades? No início diz que rende 8; na receita diz para fazer 30 montinhos.?????

    • 75

      Renato, boa noite!
      Desculpas pela demora pra responder, mas com a perda da minha querida Ana, filha e companheira aqui Na Cozinha da Helô, minha vida virou do avesso. Estou tentando seguir a vida, mas a tristeza é imensa e faço o que posso.
      A massa de broinhas é bem semelhante à massa usada pra fazer bombas e carolinas.
      Pra conseguir bons resultados, a água deve estar fervendo e a manteiga deve estar derretida no momento de juntar os secos e cozinhar a massa até secar. Assim como é fundamental juntar os secos assim que a água ferve, pois se ferver mais tempo ela evapora e a quantidade de líquido fica desproporcional em relação aos outros ingredientes, a manteiga tem que derreter, mas sem soltar excesso de gordura. Se a manteiga entre gelada, ela derrete, mas mantem a cremosidade (se entra macia, ela derrete rápido demais). São detalhes, mas eles são importantes.
      Quanto ao rendimento: consideramos umas 8 porções, umas 7 ou 8 unidades por porção. As quantidades de montinhos sõa sempre aproximadas, pois uns fazem montinhos maiores, outros menores.
      Abraços,
      Helô

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *