Adicionar à minha lista

Bolo salgado de cogumelos com espinafre e bacon

Ana Bacellar Bolo salgado de cogumelos, espinafre e bacon

Como eu fico feliz quando transformo uma receita simples e comum em algo mais chiquezinho e diferente. Esse é o caso do bolo salgado de cogumelos com espinafre e bacon.

Um dia, estava folheando um dos meus cadernos antigos, acho que de quando eu me casei, e bati os olhos naquela receita de bolo salgado, ou torta salgada de liquidificador, recheado com frango, carne moída, palmito, atum, sardinha ou queijo e presunto, e que era presença obrigatória em lanches nos anos 1970. Na mesma hora, pensei naquele pirex retangular chegando à mesa e tive vontade de comer um pedaço, mas decidi partir da receita básica e preparar algo mais atual.

Não mexi na massa de farinha, fermento químico, sal, leite, óleo e ovos, só usei um bom parmesão no lugar daqueles de saquinho. Usei os cogumelos shimeji que tinha na geladeira, mas depois repeti a receita com Paris e portobelo, e também com uma mistura deles, apenas respeitando a quantidade total.

Pra dar sabor e evitar que os cogumelos soltassem líquido e deixassem a massa pesada, refoguei na manteiga com cebola e alho e esperei murchar e secar. Como, no dia da foto, eu me enganei com a quantidade dos cogumelos, resolvi acrescentar espinafre e um tanto de bacon e ficou ótimo.

A receita fica bem enformada, usando uma fôrma de bolo inglês, ou num refratário pra cortar quadrados, ou em em potinhos individuais.

Como a massa fica pronta em segundos no liquidificador e o recheio é fácil de fazer e ainda pode ser preparado na véspera, dá pra deixar tudo organizado e assar perto da hora de servir.

Vamos fazer o bolo salgado de cogumelos com espinafre e bacon?

Ingredientes

Recheio

  • 100 g de bacon em cubinhos
  • 25 g de manteiga
  • 1 cebola pequena em cubinhos (120g)
  • 1 dente de alho picadinho
  • 250 g de cogumelos frescos (Paris, shimeji, portobelo ou uma mistura)
  • 2 xícaras (chá) de folhas e talos pequenos de espinafre
  • Sal
  • Pimenta-do-reino

Massa

  • 2 ovos
  • 1/2 xícara (chá) de leite (120 ml)
  • ½ xícara (chá) de óleo vegetal (120 ml)
  • 1 xícara (chá) de farinha de trigo (120 g)
  • 1/2 colher (sopa) de fermento em pó
  • ¼ de xícara (chá) de queijo parmesão ralado (25 g)
  • 1 colher (chá) de sal
  • Manteiga pra untar
  • Farinha de rosca pra polvilhar

Preparo

Aqueça o forno a 180ºC (médio-alto), unte com manteiga e polvilhe com farinha de rosca 1 fôrma média para bolo inglês.

Aqueça o bacon numa frigideira média e mantenha no fogo até que os cubinhos estejam dourados. Retire o bacon com uma escumadeira e escorra sobre papel. Descarte a gordura, ou guarde pra fazer uma farofa.

Na mesma frigideira, aqueça a manteiga e doure a cebola. Junte o alho e, quando perfumar, misture os cogumelos e umas pitadas de sal. Mantenha em fogo baixo até que estejam macios e dourados, então junte o espinafre e mantenha no fogo por uns 5min, até murchar. Misture o bacon, acerte o sal e a pimenta e deixe amornar.

No liquidificador, bata os ovos, o leite, o óleo, a farinha, o fermento, o queijo e o sal até conseguir uma massa lisa.

Despeje metade da massa na fôrma, espalhe por cima o recheio e cubra com a massa restante.

Asse por uns 30min, até que o bolo esteja firme, crescido e dourado (enfiando um palito no centro, ele deverá sair limpo). Deixe amornar por uns 15min, desenforme e sirva em fatias com uma salada.

4 Comentários

  1. 1
    • 2

      Maria Cristina, boa tarde!
      Pode sim fazer com shiitake, fica muito bom.
      Depois conte pra gente e siga aqui Na Cozinha da Helô, pois não faltam histórias, dicas, receitas e fotos apetitosas.
      Abraços, Ana e Helô

  2. 3

    Adorei o chiquezinho. Eu também curto quando consigo dar esse toque. Há tempos, vários anos, recortei uma receita de bolo salgado de abobrinha da Patricia Ferraz do Paladar. Feito com ricota, abobrinha e bacon, de cara, não agradou meu marido que não come bacon nem se estiver no deserto. Aí adaptei e acabo fazendo frequentemente com bacalhau. É só elogios…

    • 4

      Maria Cláudia, bom dia!
      Delícia saber que você gostou do chiquezinho. A gente adora receitas versáteis, que permitem variações que agradam tanto no dia a dia como nos momentos em que a gente quer algo um pouco mais incrementado.
      As receitas da Patrícia costumam ser bem gostosas, mas é claro que, sempre que possível, a gente tem de adaptar as receitas de acordo com as preferências da família ou de quem está por perto. O pão de abobrinha deve ter ficado delicioso com bacalhau.
      O bom de se sentir segura na cozinha é justamente poder ousar e adaptar receitas.
      Siga aqui com a gente Na Cozinha da Helô, pois não faltam histórias, receitas, dicas e fotos apetitosas.
      Abraços, Ana e Helô

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *