Adicionar à minha lista

Bolo caramelizado de banana

bolo caramelizado de banana

Que tal aprender a receita de bolo caramelizado de banana?

Por mais que ache lindo demais ter na fruteira uma penca com umas 12 bananas uniformes em cor, tamanho e textura, prefiro comprar umas bem verdes, outras começando a amadurecer e outras já maduras e, assim, ter bananas no ponto dia após dia. Só que, mesmo com esse planejamento, principalmente quando faz muito calor, acontece da fruteira amanhecer com várias bananas já muito amarelas e pintadíssimas. Nessa hora, pra não perder nada e aproveitar o sabor maravilhoso que a banana ultra madura tem, é preciso pensar em receitas com banana. Falando nisso, é importante dizer que as bananas dão resultados ainda melhores quando as cascas ficam bem amarelas e cheias de pintinhas pretas.

Como eu amo um bom bolo de banana, vivo atrás de novas receitas e estou sempre experimentando, mas entre uma novidade eu não deixo de preparar três bolos de banana que fazem parte da minha vida de forma intensa. A primeira delas é a do bolo de fubá da minha avó querida na versão com banana, depois o bolo de banana que eu adoro, que é só de misturar (há também o meu vídeo no canal do youtube) e o bolo caramelizado de banana de hoje.

A maior parte das receitas de bolo caramelizado de banana começa exatamente da mesma forma, quer dizer, um caramelo simples feito com açúcar (ou com água e açúcar) espalhado na base da assadeira, uma camada farta de bananas fatiadas ou em rodelas sobre o caramelo e, sobre as bananas, vai a massa do bolo. No forno, as bananas amaciam, douram e ficam envolvidas pelo caramelo, que se espalha pela base e pelas laterais do bolo, e a massa fica macia e, é claro, com um gosto delicioso de banana.

A receita funciona bem, dá bolos muito bonitos e gostosos, mas pode acontecer do caramelo endurecer durante o tempo que o bolo precisa descansar pra desenformar sem desmontar, então as bananas grudam no fundo e o caramelo nem sempre fica com textura espessa, quase que cremosa. Quando uma banana cola demais e endurece quase que como se fosse uma bala na base da assadeira, não há muito o que ser feito, pois ela até descola quando se dá uma leve aquecida, mas o caramelo às vezes endurece demais e vitrifica. Quando é possível descolar as bananas com uma espátula, dá pra transferir uma a uma pro seu lugar. A cremosidade não acontece mesmo.

E como conseguir essa cremosidade do caramelo, que faz muita diferença no sabor, no aroma e na textura do próprio caramelo, das bananas e de toda a base e das laterais do bolo? Simplesmente juntando manteiga ao caramelo. A manteiga transforma tudo e deixa o bolo muito mais emocionante. É o mesmo princípio usado pelos franceses numa tarte tatin (a clássica torta invertida de maçãs, que pode ser feita com muitas outras frutas).

Quantas bananas são necessárias pra cobrir a base da assadeira? Costumo usar umas 3 nanicas de uns 18 cm, que é meio que o tamanho comum de uma nanica, e com elas consigo fazer fatias ou rodelas grossinhas, de mais ou menos 0,5 cm de espessura (a banana cria uma leve casquinha, mas continua com parte macia, sem ficar borrachenta). Se só tenho 2 bananas, prefiro manter a boa espessura e resolver a questão deixando as fatias mais espalhadas. Por que falo em nanica? Simplesmente porque elas são perfeitas pra comer e pra cozinhar e, assim, são as preferidas e mais comuns. As bananas prata e maçã são boas pra comer, mas nas receitas elas não amaciam de uma forma tão cremosa como a nanica, mas funcionam também. A ouro, bem miúda e ultra saborosa, também dá bolos incríveis. Ou seja, dá pra usar a banana que quiser e a quantidade vai depender do tipo e do tamanho da banana.

E qual a massa ideal? Sinceramente, fico com a mais fácil e rápida, que dá um bolo muito macio e perfeito na combinação com a banana. Nada contra preparar massas que pedem pra bater manteiga com açúcar na batedeira, depois juntar gemas, os secos e, por fim, claras em neve; ou que são bem amanteigadas, basicamente manteiga, açúcar, ovo e farinha. Só que eu, na minha vida real, pra minha família, acabo fazendo uma massa mais prática, só de misturar, pois acho que, com a camada de caramelo e a camada de banana, a massa que começa com o creme de manteiga e termina com as claras em neve não agrega valor e é só trabalho extra. Fico com a mistura básica, que leva só farinha de trigo, açúcar, canela em pó e baunilha (que têm tudo a ver com banana), fermento químico, ovos (gemas e claras juntas e de uma só vez), óleo e iogurte natural e pode ser preparada no liquidificador ou numa tigela, só misturando com um batedor de arame.

Ah, e o caramelo é feito na assadeira? Sinceramente, prefiro derreter o açúcar numa panelinha até chegar num dourado lindo, fora do fogo misturar a manteiga (nessa hora, vai parecer que tudo deu errado, mas relaxe, ele dá mesmo uma separada, mas no forno tudo vai se resolver) e então despejar na base da assadeira. E não é preciso mesmo untar a assadeira, pois o caramelo será amanteigado, ele sobre um pouco pelas bordas e só de passar a lâmina de uma faca nas laterais o bolo já se solta.

E desenformar é fácil? Confesso que sempre sinto um frio na barriga, mesmo já tendo desenformado sei lá quantos mil bolos na vida, mas dá certo. Eu sempre deixo o bolo amornar por uma meia hora e desenformo, e se algum pedaço de banana fica na fôrma eu transfiro com cuidado pro lugar certo e problema resolvido.

Acho que é isso. Bom café com bolo a qualquer hora, pois ele vai bem no café da manhã, como sobremesa, lanche da tarde ou a qualquer hora.

Ingredientes

Base de caramelo e banana

  • 1 xícara (chá) de açúcar (150 g)
  • 25 g de manteiga gelada em cubinhos
  • 3 bananas grandes e bem maduras

Massa

  • ¾ de xícara (chá) de iogurte natural (normalmente 1 copinho de 170 g)
  • ¾ de xícara (chá) de óleo vegetal (180 ml)
  • 4 ovos
  • 1 colher (chá) de essência natural de baunilha (veja o post essências incríveis)
  • 2 xícaras (chá) de açúcar (300 g)
  • 2 xícaras (chá) de farinha de trigo (240 g)
  • 1 colher (sopa) de fermento em pó
  • ½ colher (chá) de canela em pó

Preparo

Separe uma assadeira média, de uns 22 cm de diâmetro (não é preciso untar).

Comece pela base de caramelo, que precisa de atenção total. Coloque o açúcar numa panela pequena e aqueça. Espere surgir um caramelo bem dourado, nem muito claro, para não ficar muito doce, nem muito escuro, para não amargar. Segurando o cabo da panela com um pegador ou um pano seco, retire do fogo e com muito cuidado, misture a manteiga. O caramelo vai dar uma subida e uma separada, mas nada de grave. Despeje o caramelo na base da assadeira e espalhe pra conseguir uma camada uniforme. Reserve.
Aqueça o forno a 180º (médio-alto).

Descasque as bananas, corte cada uma delas em fatias ou rodelas de mais ou menos 0,5 cm de espessura e espalhe sobre o caramelo, tentando cobrir o fundo da assadeira (se não der, deixe espaços maiores).

Coloque o iogurte, o óleo, os ovos, a baunilha, o açúcar, a farinha, o fermento e a canela numa tigela grande e misture com um batedor de arame até conseguir uma massa lisa e homogênea, ou bata no liquidificador.

Despeje a massa na assadeira – ela ficará sobre a camada das bananas – e leve ao forno.

Asse o bolo por uns 45 minutos, até que esteja dourado, crescido, se soltando das laterais e firme (enfiando um palito no centro, ele deve sair limpo).

Retire o bolo do forno e deixe amornar por uns 30 minutos. Ao final do tempo, passe de leve a lâmina de uma faca na lateral do bolo pra soltar bem e desenforme sobre o prato de servir. Se, por um acaso, alguns pedaços de banana continuarem colados na assadeira, solte cada um deles com cuidado e transfira para o “lugar” deles no bolo.

Sirva o bolo morno ou em temperatura ambiente. Ele se conserva bem por uns 3 dias, mas dificilmente dura esse tempo todo, costuma acabar bem antes disso.

22 Comentários

  1. 1
    • 2

      Tânia boa noite! que mensagem gostosa de ler em meio das tantas coisas tristes ue estão mudando o mundo. gosto de estudar, de entender? aplicar os conhecimentos e testar até acertar depois escrever, produzir e fotografar com s minha querida ana. é bom sentir que esse envolvimento com o alimento, a mesa e as pessoas fala mais alto. abraços! conte sempre com a gente! helô e ana

  2. 3
  3. 5
    • 6

      Cinthia, que delícia te ver por aqui.
      O bolo é de dar água na boca mesmo, gostoso demais (e simples de fazer).
      Depois conte pra gente.
      Beijos, Helô e Ana

  4. 7
    • 8

      Ana, boa noite!
      Que notícia gostosa. A gente também fez hoje de novo, pois os cachos colhidos na semana passada eram enormes e muitas amadurecem de uma vez.
      O bolo é o máximo.
      Abraços, Ana e Heloisa

  5. 9

    Tinha umas bananas muito maduras em casa e vi a receita no Instagram de vocês. Fiz e fiquei encantada com esse bolo. Obrigada! O caramelo sem dúvida faz toda a diferença.

    • 10

      Kamille bom dia! Que notícia boa! O bolo é mesmo delicioso, fiz também em casa, pois as minhas bananeiras também estavam carregadas e muitas amadurecem de uma vez, aí é ” tudo de banana”. Como a gente diz no texto, a manteiga no caramelo faz muita diferença, da cremosidade.
      Conte sempre pra gente!
      Abraços, Ana e Helô

  6. 11
    • 12

      Tania, boa noite! Que delícia saber que você ficou feliz com a receita do bolo caramelizado de banana. Ele é delicioso e lindo!
      Conte pra gente e poste a foto.
      Abraços, Ana e Helô

  7. 13

    Adorei!!! Delicioso!!! Muito fácil de preparar seguindo suas instruções!!!
    Obrigada por compartilhar!!!
    Comentário do Marido: Alegrou a Quarentena!
    Grande Abraço!!

    • 14

      Maria Ignez, boa tarde!
      Que notícia gostosa, alegrou o nosso dia.
      É preciso animar a quarentena.
      Conte sempre com a gente e siga experimentando as muitas receitas deliciosas da Cozinha da Helô.
      Abraços, Ana e Helô

  8. 15

    Simplesmente o melhor bolo de banana caramelizada da VIDA. Sem comentários…só adicionei uma pitada de sal, que é vício de colocar em toda receita de bolo rsrs e um tequinho de noz moscada tmb, que é super gosto pessoal, mas vocês simplesmente arrasaram. Meu café da tarde com minha esposa foi outro. Ela até falou que ficou mais apaixonada por mim kkkk

    • 16

      Ronaldo, bom dia!
      Esse bolo de banana é o máximo! Pitadas de sal são sempre importantes e a noz-moscada deve ter caído bem.
      Bom saber que o café da tarde ficou mais emocionante.
      Abraços, Ana e Helô

  9. 17

    Simplesmente o melhor bolo de banana caramelizada da VIDA. Sem comentários…só adicionei uma pitada de sal, que é vício de colocar em toda receita de bolo rsrs e um tequinho de noz moscada tmb, que é super gosto pessoal, mas vocês simplesmente arrasaram. Meu café da tarde com minha esposa foi outro. Ela até falou que ficou mais apaixonada por mim kkkk

    • 18

      Ronaldo, boa tarde!
      O bolo de cenoura também fará sucesso.
      A gente também adora o bolo de banana, ele acaba num piscar de olhos. Com a pitada de sal e a noz-moscada ele deverá ficar ainda melhor.
      Conte sempre com a gente.
      Abraços, Ana e Helô

  10. 19
    • 20

      Flávia, bom dia!
      Que delícia saber que a receita já passou a fazer parte da sua cozinha.
      Continue aqui Na Cozinha da Helô, pois não faltam histórias, dicas, receitas e apetitosas.
      Abraços, Ana e Helô

  11. 21
    • 22

      Dóris, boa tarde!
      Que gostoso saber que você gostou da receita e que ela já passou a fazer parte da sua cozinha.
      A manteiga faz toda a diferença. Além de dar um caramelizado delicioso, ela não deixa o caramelo ficar duro e grudando na fôrma.
      Conte sempre com a gente. Abraços, Ana e Helô

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *