Adicionar à minha lista

Biscoitos argelinos com amêndoas

Quem me conhece de perto sabe o quanto eu gosto de um bom biscoitinho saboroso e crocante. E, também, tenho fascínio pelas receitas cheias de amêndoas e nozes do mundo árabe.

Dá, então, pra imaginar o quanto fiquei encantada quando, em Paris, em 1989, mordi um biscoitinhos de amêndoa ou noz em formato de meia-lua, com gosto inesquecível de canela e flor de laranjeira e coberto por uma camada de açúcar de confeiteiro.

Ainda no século XIII, os mouros espalharam a receita pela Andaluzia e pelo norte da África e o fato é que ele faz sucesso até hoje. Na Argélia, na Tunísia e no Marrocos não há festa que acabe sem um chá de menta acompanhado dos tais biscoitinhos, conhecidos como cornes de gazelle, ou chifres de gazela, um tipo de antílope do norte da África.

Em Paris, adoro entrar nas doceiras argelinas e tunisianas, como Rose de Tunis e La Bague de Kenza, que têm uma variedade imensa de doces cheios de pistache, amêndoa, nozes, mel, água de flor de laranjeira, muitos bolinhos e biscoitos amanteigados, escolher um doce diferente pra experimentar e um corne de gazelle pra matar a vontade e não perder o costume.

A receita é de fato um pouco trabalhosa, principalmente na hora de moldar os biscoitos e de banhar na calda, mas compensa, garanto. Quanto ao modo de abrir a massa com a ajuda do pano: usando o pano é possível abrir e dobrar a massa sem adicionar mais farinha, e quanto menos farinha extra, mais leve o biscoito.

Além de perfeitos pra encher uma compoteira linda, os biscoitinhos são perfeitos pra presentear.

Ingredientes

Massa

  • 125 g de manteiga
  • 1 pitada de sal
  • 2 colheres (sopa) de água de flor de laranjeira (30 ml)
  • 1 e 1/2 xícara (chá) de farinha de trigo (aproximadamente 180 g)

Recheio

  • 1 xícara (chá) de amêndoa grosseiramente moída (100 g)
  • 1/3 de xícara (chá) de açúcar (50 g)
  • 1/2 colher (chá) de canela em pó
  • 10 g de manteiga em temperatura ambiente
  • 1 colher (sopa) de água de flor de laranjeira (15 ml)

Calda e finalização

  • 1/2 xícara (chá) de água (120 ml)
  • 1 e 1/2 xícara (chá) de açúcar (225 g)
  • 2 colheres (sopa) de suco de limão (30 ml)
  • 1 colher (sopa) de água de flor de laranjeira (15 ml)
  • 1/2 xícara (chá) de açúcar de confeiteiro (60 g)

Preparo

Pra a massa, derreta a manteiga numa panelinha sem deixar ferver, retire a espuma da superfíciel com uma escumadeira e transfira pra uma tigela média deixando pra trás as partículas sólidas depositadas no fundo.

Junte o sal, a água de flor e a farinha e misture até formar uma massa bem macia e que se solte das mãos, envolva em filme plástico e leve à geladeira por 5min.

Enquanto isso, misture os ingredientes do recheio numa outra tigela e reserve.

Molde bolinhas de massa do tamanho de uma noz e coloque sobre um pano limpo. Achate cada bolinha com a palma da mão até conseguir um disco de 4 cm, coloque 1 colher de chá de recheio no centro, feche como pastel, vire as pontas para dentro como meia lua e passe para uma assadeira não untada.

Cubra os biscoitos com um pano e leve à geladeira por 10min, enquanto o forno aquece a 160ºC (médio).

Pra calda, aqueça a água e o açúcar numa panelinha, misturando só até dissolver, e deixe ferver por uns 10min, até surgirem bolhas grandes e brilhantes. Então junte o suco de limão e a água de flor e retire do fogo.

Asse os biscoitinhos por uns 20min, até que estejam firmes, crocantes, mas ainda claros.

Solte os biscoitos ainda quentes da assadeira e, com ajuda de um garfo, mergulhe cada um deles na calda, depois escorra e passe pelo açúcar de confeiteiro.

Coloque os biscoitos secos num pote fechado e guarde por até uma semana.

Deixe uma resposta

O seu email não será publicado. Campos obrigatórios estão marcados com *